domingo, dezembro 03, 2017

O primeiro transplante de coração foi há cinquenta anos

Christian Neethling Barnard (Beaufort West, África do Sul, 8 de novembro de 1922 - Pafos, Chipre, 2 de setembro de 2001) foi um cirurgião sul-africano, o primeiro a realizar um transplante de coração no mundo.
Foi um estudante tranquilo e extremamente dedicado na Escola de Medicina da Universidade da Cidade do Cabo, no início da década de 40. Esteve nos Estados Unidos, onde assistiu um dos melhores cardiologistas da América, Walton Lilliehei. Na década de 60 realizou várias experiências com cães, até que outro cirurgião americano, Walter Shumway, anunciou a sua intenção de fazer um transplante de coração humano. Barnard adiantou-se e, em 3 de dezembro de 1967, realizou a primeira operação do género. O paciente (Louis Washkansky) morreu em poucos dias, mas o do segundo transplante viveu 594 dias após a operação. Barnard ainda fez outros transplantes mas, com artrite reumatóide, foi obrigado a interromper a carreira. 
 

Enviar um comentário