segunda-feira, janeiro 08, 2018

O petrólogo Eskola nasceu há 135 anos

Pentti Eelis Eskola (Honkilahti, 8 de janeiro de 1883 - Helsínquia25 de março de 1964) foi um geólogo finlandês. Foi estudante de química e posteriormente professor na Universidade de Helsínquia.
Em 1906 obteve um doutoramento em Ciências Físicas na Universidade de Helsínquia. Eskola especializou-se mais tarde em petrologia, centrando-se especialmente no estudo das associações minerais que existiam nas rochas. Em 1914 deduziu que a composição mineralógica das rochas metamórficas, una vez alcançado o equilíbrio, somente dependia da sua composição química. Realizou diversos estudos petrológicos sobre os terrenos metamórficos situados no Sul da Península Escandinava e introduziu/divulgou o termo facies metamórfica.
Como químico, aplicou os conceitos fundamentais desta ciência para avançar na compreensão da origem das rochas cristalinas. Como resultado desenvolveu o conceito de facies metamórficas, uma exigência vital para seguir a evolução das rochas na crosta da terra. Este conceito já havia sido anteriormente introduzido pelo geólogo suíço Amanz Gressly.


Metamorphic Facies with regard to temperature and pressure
Metamorphic facies are recognizable terranes or zones with an assemblage of key minerals that were in equilibrium under specific range of temperature and pressure during a metamorphic event. The facies are named after the metamorphic rock formed under those facies conditions from basalt. Facies relationships were first described by Pentti Eskola in 1921.

Enviar um comentário