segunda-feira, maio 29, 2017

Zé Diogo Quintela - 40 anos


Zé Diogo Quintela (José Diogo de Carvalho Quintela, Lisboa, 29 de maio de 1977) é um humorista e argumentista português, membro do coletivo humorístico Gato Fedorento.
  
Carreira
José Diogo Quintela estudou nos Salesianos e no Liceu Pedro Nunes em Lisboa, tendo sempre sido um excelente aluno. O último ano do secundário fê-lo nos Estados Unidos através de um programa de intercâmbio de estudantes. Frequentou o curso de Comunicação Social no Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas (ISCSP) da Universidade Técnica de Lisboa, não concluindo a licenciatura.
Quintela participou como argumentista e actor dando vida a vários personagens em todos os DVD e sketches lançados pela equipa do Gato Fedorento.
Ainda na sua colaboração com as Produções Fictícias desde 2000, onde foi autor, escreveu entre outros textos para o Programa da Maria (SIC), Herman Difusão Portuguesa (na RDP) e Três é uma Multidão (peça de teatro). Co-autor também de diversos textos do programa Herman SIC (SIC) e das Crónicas da D. Bitória.
Em 2006, Quintela emprestou a sua imagem à conhecida bebida portuguesa Licor Beirão, recriando a personagem "Fernando" (dos Gato Fedorento), conhecida por "educar" quem padece de desvios comportamentais.
A política e o futebol são dois dos pontos que diferenciam Quintela (que é de direita liberal e adepto do Sporting Clube de Portugal) dos restantes três elementos do Gato Fedorento (de tendência política mais à esquerda e adeptos de outro clube), contudo estas diferenças não chegam para lhes eliminar a cumplicidade existente.
Em março de 2010 publicou o seu primeiro livro, "Falar é Fácil", constituído por crónicas feitas para o Jornal Público.


Enviar um comentário