sábado, janeiro 28, 2017

Henrique VIII morreu há 470 anos

Henrique VIII (Greenwich, 28 de junho de 1491Palácio de Whitehall, Londres, 28 de janeiro de 1547) foi o Rei da Inglaterra de 1509 até à sua morte, e também Lorde e depois Rei da Irlanda. Henrique foi o segundo monarca inglês da Casa de Tudor, sucedendo ao seu pai Henrique VII.
Henrique é conhecido como o fundador da Igreja Anglicana. As suas lutas contra Roma ocasionaram a renúncia da Inglaterra à autoridade papal, a Dissolução dos Mosteiros e seu próprio estabelecimento como Chefe Supremo da Igreja de Inglaterra. Ainda assim ele continuou a acreditar nos principais ensinamentos católicos, mesmo após a sua excomunhão. Henrique supervisionou a união legal da Inglaterra e Gales com os Atos das Leis em Gales de 1535 e 1542.
Em 1513, Henrique aliou-se com Maximiliano I, Sacro Imperador Romano-Germânico, e invadiu a França com um exército numeroso e bem equipado, porém pouco realizou, pelo enorme custo financeiro. Por outro lado, Maximiliano usou a invasão inglesa para seu próprio benefício, prejudicando a capacidade da Inglaterra de derrotar os franceses. Esse incidente marcou o início de uma obsessão de Henrique, que invadiu o país novamente em 1544. Desta vez, as suas forças capturaram a importante cidade de Bolonha, porém o imperador Carlos V apoiou Henrique até onde julgava necessário e a Inglaterra, esgotada pelos custos da guerra, entregou a cidade novamente após pagamento de resgate.
Os seus contemporâneos, durante o seu auge, consideraram Henrique um rei atraente, bem educado e realizado, e ele já foi descrito como "um dos governantes mais carismáticos a ocupar o trono inglês". Além de reinar com poder considerável, Henrique também escrevia e compunha. O seu desejo de ter um herdeiro masculino – em parte por causa de sua vaidade pessoal, por acreditar que uma mulher não seria capaz de consolidar a dinastia Tudor e também pela frágil paz existente após a Guerra das Rosas – levaram às duas coisas pelas quais Henrique é mais lembrado: os seus seis casamentos e à Reforma Inglesa. Ele tornou-se obeso mórbido e com saúde fraca, contribuindo para a sua morte precoce, em 1547. Ele é frequentemente caracterizado no final de sua vida como concupiscente, egoísta, severo e inseguro. Henrique VIII teve como sucessor o seu filho Eduardo VI, fruto de seu casamento com Joana Seymour.

Enviar um comentário