terça-feira, março 20, 2018

Ibsen nasceu há 190 anos

Henrik Johan Ibsen (Skien, 20 de março de 1828 - Cristiânia, 23 de maio de 1906) foi um dramaturgo norueguês, considerado um dos criadores do teatro realista moderno. Foi o maior dramaturgo norueguês do século XIX. Foi também poeta e diretor teatral, sendo considerado o “pai do drama em prosa” e um dos fundadores do modernismo no teatro. Entre os seus maiores trabalhos destacam-se Brand, Peer Gynt, Um Inimigo do Povo, Imperador e Galileu, Casa de Bonecas, Hedda Gabler, Espectros, O Pato Selvagem e Rosmersholm
Muitas das suas peças foram consideradas escandalosas na época em que foram lançadas, pois o teatro europeu estava sujeito a um determinado conceito de vida familiar e propriedade. Os trabalhos de Ibsen analisavam a realidade contida por trás das convenções e costumes, o que trouxe muita inquietação aos seus contemporâneos. Ele lançou um olhar crítico e uma livre investigação sobre as condições de vida e as questões da moralidade da época. A poética peça Peer Gynt, no entanto, tem fortes elementos do surrealismo.
Ibsen é muitas vezes classificado como um dos verdadeiramente grandes dramaturgos da tradição europeia. Richard Hornby descreve-o como "um profundo e poético dramaturgo - o melhor desde Shakespeare". Ele influenciou outros dramaturgos e romancistas, tais como George Bernard Shaw, Oscar Wilde, James Joyce e Eugene O'Neill. Muitos críticos consideram-no o maior dramaturgo desde Shakespeare.
Embora a maioria de suas peças se passe na Noruega, muitas vezes em lugares que lembram Skien, a cidade portuária onde cresceu, Ibsen viveu vinte sete anos na Itália e Alemanha e raramente visitou a Noruega durante os seus anos mais produtivos.

1 comentário:

Labella Labella disse...


Un petit pour vous dire que votre blog est super!

voyance en ligne