terça-feira, setembro 12, 2017

Irène Joliot-Curie nasceu há 120 anos

Irène Joliot-Curie (Paris, 12 de setembro de 1897 - Paris, 17 de março de 1956) foi uma química francesa, filha de Marie Curie e Pierre Curie e esposa de Frédéric Joliot-Curie. Juntamente com o seu marido, Irène ganhou o Prémio Nobel de Química em 1935 pela descoberta da radioatividade artificial. Isso tornou a família Curie a que obteve maior número de prémios Nobel até hoje. Os dois filhos do casal também são cientistas.

Enviar um comentário