segunda-feira, agosto 28, 2017

Glenn Cornick morreu há três anos

Glenn Cornick (Barrow-in-Furness, 23 de abril de 1947 - Hilo, Havaí, 28 de agosto de 2014) foi um músico britânico. Foi o primeiro baixista e um dos fundadores dos Jethro Tull. Ele saiu da banda depois de seu terceiro álbum, Benefit, em 1970. O seu estilo (meio virtuoso, meio performático), fica presente nas primeiras músicas da banda, como "Bouree" e "The Witch's Promisse"
Cornick foi "convidado" a deixar a banda pelo empresário Terry Ellis, mas recebeu o apoio e encorajamento para formar a sua própria banda, Wild Turkey, que obteve certo êxito com alguns álbuns e turnês - em 1972, abriram os shows para a turnê mundial do Black Sabbath.
Ele mudou-se depois para Berlim, onde gravou o álbum "Rock'n Roll Testament" com a banda Karthago. Mais tarde, nos EUA, formou o grupo Paris com Bob Welch, ex-Fleetwood Mac. A parceria durou até 1977, quando Cornick abandonou a música e se tornou gerente de vendas de uma empresa de alimentos.
Depois de dez anos ele voltou a tocar, participando de vários projetos - inclusive uma reunião dos Wild Turkey, lançando mais três álbuns.
 
 

Enviar um comentário