terça-feira, julho 11, 2017

George Gershwin morreu há 80 anos...

George Gershwin, nascido Jacob Gershowitz, (Brooklyn, Nova Iorque, 26 de setembro de 1898 - Hollywood, Califórnia, 11 de julho de 1937) foi um compositor dos Estados Unidos. Escreveu a maioria dos seus trabalhos vocais e teatrais em colaboração com o seu irmão mais velho, o letrista Ira Gershwin. George Gershwin compôs tanto para a Broadway quanto para concertos clássicos. Também escreveu músicas populares de grande sucesso.
Muitas de suas composições tem sido usadas na televisão e em inúmeros filmes, além de tornar-se standards de jazz. A cantora Ella Fitzgerald gravou muitas das canções de Gershwin em seu álbum de 1959, Ella Fitzgerald Sings the George and Ira Gershwin Songbook (com arranjos de Nelson Riddle). Incontáveis músicos e cantores gravaram músicas de autoria de Gershwin, incluindo Louis Armstrong, Charlie Parker (The Bird), Oscar Peterson, Miles Davis, Frank Sinatra, João Gilberto, Fred Astaire, Al Jolson, Percy Grainger, Bobby Darin, Art Tatum, Bing Crosby, Yehudi Menuhin, Janis Joplin, John Coltrane, Billie Holiday, Sam Cooke, Herbie Hancock, Madonna, Judy Garland, Julie Andrews, Barbra Streisand, Marni Nixon, Natalie Cole, Nina Simone, Maureen McGovern, John Fahey, The Residents, Sublime (banda) e Sting.
O teatro Gershwin Theatre, foi nomeado em sua homenagem e do seu irmão.
 
(...) 

No começo de 1937, Gershwin começa a queixar-se de dores de cabeças muito fortes e duma recorrente impressão que estava a cheirar borracha queimada. Ele tinha desenvolvido um tipo de tumor no cérebro conhecido como glioblastoma multiforme. Em junho apresentou-se, num concerto especial, com a Orquestra Sinfónica de San Francisco sob a direção do maestro francês Pierre Monteux. Foi em Hollywood, enquanto trabalhava na partitura de The Goldwyn Follies, que teve um colapso, a 11 de julho de 1937, morrendo aos 38 anos de idade, no Cedars of Lebanon Hospital, após uma cirurgia para retirar o tumor.


Enviar um comentário