quarta-feira, junho 21, 2017

John Lee Hooker morreu há 16 anos

John Lee Hooker (Coahoma County, Mississippi, 22 de agosto de 1917 - Los Altos, California, 21 de junho de 2001) foi um influente cantor e guitarrista de blues norte-americano, nascido no condado de Coahoma, próximo de Clarksdale, Mississipi, considerado o 35º melhor guitarrista de todos os tempos pela revista Rolling Stone.
A carreira de Hooker começou em 1948 quando ele alcançou sucesso com o compacto "Boogie Chillen", apresentando um estilo meio falado que tornaria-se a sua marca registada. Ritmicamente, a sua música era bastante livre, uma característica que ele tinha em comum com os primeiros músicos de delta blues. A sua entoação vocal era menos associada à música de bar do que a de outros cantores de blues. O seu estilo casual e falado, com aparentes erros, seria diminuído com o advento do blues elétrico das bandas de Chicago mas, mesmo quando não tocava sozinho, Hooker mantinha as características primordiais do seu som.
Ele fê-lo, entretanto, levando adiante uma carreira a solo, ainda mais popular devido ao surgimento de aficionados de blues e folk no começo dos anos 60 - ele inclusive passou a ser mais conhecido entre o público branco, e deu uma oportunidade ao iniciante Bob Dylan. Outro destaque da sua carreira aconteceu em 1989, quando se juntou a diversos astros convidados, incluindo Keith Richards e Carlos Santana, para a gravação de The Healer, que acabaria por ganhar um Grammy.
Em 1994 Hooker fez uma operação para retirar uma hérnia, o que acabou o afastando dos palcos durante algum tempo e, depois das gravações de "Chill Out" (1995), parou de fazer shows regulares, continuando apenas com aparições ocasionais.
Hooker gravou mais de 500 músicas e aproximadamente 100 álbuns, morreu de causas naturais, enquanto dormia, em 21 de junho de 2001, na sua casa em Los Altos, Califórnia. Casado e divorciado 4 vezes, teve oito filhos e era dono de um clube noturno em São Francisco chamado "Boom Boom Room", nome este inspirado num dos seus maiores sucessos.

Enviar um comentário