segunda-feira, junho 05, 2017

Dee Dee Ramone morreu, de overdose, há 15 anos

Douglas Glen Colvin, mais conhecido por Dee Dee Ramone, (Fort Lee, 18 de setembro de 1951 - Los Angeles, 5 de junho de 2002) foi baixista duma das bandas mais famosas da história do punk rock, a banda norte-americana Ramones. Dee Dee passou a sua infância numa Alemanha devastada pela II Guerra Mundial, tendo mudado para Nova Iorque com 14 anos de idade, acompanhado da sua irmã e da sua mãe, quando a última se separou do seu pai, um militar americano que trabalhava na fronteira com a Alemanha Oriental.
Já em Nova Iorque conheceu Joey Ramone, Tommy Ramone e Johnny Ramone, e, juntos, formaram os Ramones. Dee Dee tinha dificuldade para tocar e cantar ao mesmo tempo, por isso quase não cantava, mas contribuia na banda com muitas letras. No meio da turnê do álbum Brain Drain, Dee Dee saiu da banda, alegando estar cansado das turnês exaustivas (anos depois admitiu estar abusando de heroína e outras drogas), e embarcou numa curta carreira a solo como rapper, quando adotou o nome artístico de Dee Dee King. O álbum de rap lançado por Dee Dee foi rejeitado pela crítica e pelo público, fazendo-o logo retornar ao punk rock. Dee Dee continuou a gravitar ao redor dos Ramones, contribuindo com letras e músicas para os discos seguintes.
Foi encontrado morto, em sua casa, em Hollywood, a 5 de junho de 2002, devido a uma overdose de heroína.
 

Enviar um comentário