terça-feira, janeiro 24, 2017

John Myung, baixista dos Dream Theater, faz hoje 50 anos

John Ro Myung (24 de janeiro de 1967 em Chicago, Illinois) é um baixista norte-americano e membro fundador da banda de metal progressivo Dream Theater.
Biografia
Nascido de pais coreanos, John Myung cresceu em Long Island, Nova York. Aprendeu a tocar violino aos 5 anos de idade, até ser chamado para tocar baixo numa banda local, quando tinha 15 anos. Permaneceu com o baixo daí para frente, e depois de se formar no Ensino Médio, ele matriculou-se na Berklee College of Music, juntamente com o seu amigo John Petrucci, onde encontraram Mike Portnoy (bateria). Esses três formaram a banda Majesty, com o teclista Kevin Moore e o vocalista Chris Collins. Mais tarde a banda iria se tornar os Dream Theater.
Apesar dos Dream Theater ser o seu principal foco musical, ele apareceu em vários outros projetos na sua carreira. A sua primeira aventura desta foi com a banda de pop progressivo Platypus, com Rod Morgenstein, Ty Tabor e o ex-membro dos Dream Theater, Derek Sherinian. Ele também participa na música dos Jelly Jam, que consiste nos mesmos integrantes dos Platypus, mas sem Sherinian.
Myung é casado com Lisa Martens Pace, a baixista da extinta banda de heavy metal feminina Meanstreak. Duas antigas participantes da banda, Rena Sands e Marlene Apuzzo, são casadas com os elementos dos Dream Theater : John Petrucci (ainda na banda) e Mike Portnoy, ex-membro.
A suas maiores influências são Chris Squire, Steve Harris, Geddy Lee e Cliff Burton e as respetivas bandas: Yes, Iron Maiden, Rush e Metallica.
Myung de alguma maneira é conhecido como o membro mais misterioso dos Dream Theater, porque raramente ele fala ou chama atenção para si mesmo, nos shows ou vídeos. A sua personalidade misteriosa foi enfatizada quando, num show na Alemanha, ele veio até James LaBrie e o derrubou num movimento ao estilo do futebol americano, causando muita confusão na plateia e nos membros da banda, um movimento que ficou conhecido como "Myung Tackle". Mais tarde foi revelado em Lifting Shadows (uma biografia dos Dream Theater) que John Myung foi desafiado a derrubar James LaBrie no palco "por uns cem dólares, e ninguém acreditou que ele tivesse coragem".
Myung também é conhecido pela sua prática com o seu instrumento musical. No DVD Live Scenes From New York, Kevin Shirley e o ex-tecladista Derek Sherinian afirmam que John Myung é o único músico que eles conhecem que continua tocando depois de um show, para acalmar.


Enviar um comentário