quinta-feira, julho 28, 2016

Beatrix Potter nasceu há 150 anos!

Helen Beatrix Potter (Londres, 28 de julho de 1866 - Lakeland, 22 de dezembro de 1943) foi uma escritora, ilustradora, micologista e conservacionista inglesa, célebre por seus livros infantis de grande originalidade e valor intemporal, cuja obra mais famosa é A História do Pedro Coelho, um relato das travessuras do Peter Rabbit.

Há 40 anos houve um espantoso sismo em Tangshan

The Tangshan earthquake, also known as the Great Tangshan earthquake, was a natural disaster that occurred on July 28, 1976. It is believed to be the largest earthquake of the 20th century by death toll. The epicenter of the earthquake was near Tangshan in Hebei, People's Republic of China, an industrial city with approximately one million inhabitants. The number of deaths initially reported by the Chinese government was 655,000, but this number has since been stated to be around 240,000 to 255,000. Another report indicates that the actual death toll was much higher, at approximately 650,000, and explains that the lower estimates are limited to Tangshan and exclude fatalities in the densely populated surrounding areas.
A further 164,000 people were recorded as being severely injured. The earthquake occurred between a series of political events involving the Communist Party of China, ultimately leading to the expulsion of the ruling Gang of Four by Mao Zedong's chosen successor, Hua Guofeng. In traditional Chinese thought, natural disasters are seen as a precursor of dynastic change.
The earthquake hit in the early morning and lasted 14 to 16 seconds. Chinese government official sources state a magnitude of 7.8 on the Richter magnitude scale, though some sources listed it as high as 8.2. It was followed by a major 7.1 magnitude aftershock some 16 hours later, increasing the death toll to over 255,000. The earthquake was generated by the 25-mile-long Tangshan Fault, which runs near the city and ruptured due to tectonic forces caused by the Amurian Plate sliding past the Eurasian Plate.

(...)

Until fairly recently, China's political environment has made it difficult to properly gauge the extent of natural disasters. Successive governments have placed more importance on the appearance of harmony rather than accurate information on damages. The Tangshan Earthquake came at a rather politically sensitive time during the late stages of the Cultural Revolution, making accurate statistics especially difficult to find. The Tangshan earthquake killed 242,000 people according to official figures, though some sources estimate a death toll up to three times higher. This would make it the deadliest earthquake in modern times, and the second or third deadliest in recorded history. It is worth noting that the population of Tangshan at the time the quake struck was estimated to be around 1.6 million and that most of Tangshan's city proper was flattened.
Many experts believe the Chinese government has never released an accurate death toll for the disaster. The death toll figure of 242,419 came from the Chinese Seismological Service in 1988, while some sources have estimated the death toll to be at 650,000. Others range as high as 700,000. The initial estimates of 655,000 dead and 779,000 injured were released by Hebei Revolutionary Committee.


segunda-feira, julho 18, 2016

A Guerra Civil Espanhola comçou há 80 anos...

Morte de Soldado Republicano, de Robert Capa - a mais conhecida fotografia da Guerra Civil Espanhola 
La Guerra Civil Española fue un conflicto social, político y militar - que más tarde repercutiría también en un conflicto económico - que se desencadenó en España tras el fracaso parcial del golpe de estado del 17 y 18 de julio de 1936 llevado a cabo por una parte del ejército contra el gobierno de la Segunda República Española, y que se daría por terminada el 1 de abril de 1939 con el último parte de guerra firmado por Francisco Franco, declarando su victoria y estableciéndose una dictadura que duraría hasta su muerte en 1975.
La guerra tuvo múltiples facetas, pues incluyó lucha de clases, guerra de religión, enfrentamiento de nacionalismos opuestos, lucha entre dictadura militar y democracia republicana, entre revolución y contrarrevolución, entre fascismo y comunismo.
A las partes del conflicto se las suele denominar bando republicano y bando sublevado:

Ambos bandos cometieron y se acusaron recíprocamente de la comisión de graves crímenes en el frente y en las retaguardias, como sacas de presos, desapariciones de personas o tribunales extrajudiciales. La dictadura de Franco investigó y condenó severamente los hechos delictivos en la zona republicana después de la guerra, en una Causa General con escasas garantías procesales. Por su parte, los delitos de los vencedores nunca fueron investigados ni enjuiciados, aunque algunos historiadores y juristas sostienen que hubo un genocidio en el que, además de subvertir el orden institucional, se habría intentado exterminar a la oposición política.
Las consecuencias de la Guerra civil han marcado en gran medida la historia posterior de España, por lo excepcionalmente dramáticas y duraderas: tanto las demográficas (aumento de la mortalidad y descenso de la natalidad que marcaron la pirámide de población durante generaciones) como las materiales (destrucción de las ciudades, la estructura económica, el patrimonio artístico), intelectuales (fin de la denominada Edad de Plata de las letras y ciencias españolas) y políticas (la represión en la retaguardia de ambas zonas - mantenida por los vencedores con mayor o menor intensidad durante todo el franquismo - y el exilio republicano), y que se perpetuaron mucho más allá de la prolongada posguerra, incluyendo la excepcionalidad geopolítica del mantenimiento del régimen de Franco hasta 1975.

quarta-feira, julho 13, 2016

Miguel Araújo faz hoje 38 anos

(imagem daqui)

Miguel Araújo, de nome completo Miguel Costa Pinheiro de Araújo Jorge (Maia, 13 de julho de 1978), é um músico português.


quinta-feira, julho 07, 2016

Geopedrados - 11 anos...



Há exatamente 11 anos decidimos lançar este blog e, nesta data em comemoramos o aniversário deste espaço, decidimos dar uma explicação sobre a  pouca atividade que este tem tido. 
Assim, no princípio do ano, fomos surpreendidos com uma carta com um pedido de indemnização, bastante elevado, por aparentemente termos violado os direitos de autor de uma fotografia do músico Fernando Lopes-Graça. Tal não era verdade - apenas tínhamos incluído no post uma música do YouTube que tinha (e ainda tem - ver AQUI) a tal foto com direitos de autor - talvez como chamariz para novos processos a incautos... 
Atenção que nunca publicámos aqui aqui fotos com direitos de autor e sempre fizemos referência ao local de onde retirámos as fotos aqui publicadas (as que não eram nossas...).
Embora tendo a certeza que não seriamos condenados, optámos por pagar uma quantia simbólica ao autor de tal foto, pois os custos de uma ida ao tribunal seriam mais elevados, mas decidimos então, inicialmente, parar com novas publicações - daqui em diante vai haver novos posts, até meados de 2020, mas que já foram feitos e publicados para surgirem nas datas corretas.
Continuem a vir até aqui, pois, de vez em quando, haverá novas publicações, só quando acharmos que vale a pena...

Syd Barrett morreu há dez anos...

Roger Keith Barrett, mais conhecido como Syd Barrett (Cambridge, 6 de janeiro de 1946 — Cambridge, 7 de julho de 2006) foi um cantor, produtor, guitarrista e pintor inglês, mais lembrado como um dos fundadores do Pink Floyd. Vieram de Barrett as principais ideias musicais e estilísticas daquela que, então, era uma banda de rock psicadélico, assim como o nome do grupo. Todavia, especulações sobre problemas mentais, agravados pelo exagerado uso de drogas, levaram à sua saída da banda, em 1968.
Além de ser um dos pioneiros do rock psicadélico, com as suas expressivas linhas de guitarra e composições imaginativas, Barrett também foi um dos pioneiros do space rock e do folk psicadélico. Esteve ativo enquanto músico apenas sete anos, gravando, com os Pink Floyd, quatro singles, dois álbuns e diversas músicas não lançadas; como artista a solo, lançou um single e três álbuns, até entrar em reclusão autoimposta, que durou mais de trinta anos.
Na sua vida pós-música, ele continuou a pintar e dedicou-se à jardinagem. Nunca mais voltou a público. Barrett morreu em 2006, por complicações relacionadas com diabetes. Diversas biografias foram escritas sobre ele desde os anos 80, e os Pink Floyd escreveram e gravaram inúmeros tributos a ele, após sua saída do grupo, sendo o mais conhecido deles o álbum Wish You Were Here, de 1975. Em 1996, ele foi induzido no Hall da Fama do Rock and Roll, como membro do Pink Floyd.


sexta-feira, julho 01, 2016

Debbie Harry - 71 anos

(imagem daqui)

Deborah "Debbie" Ann Harry (Miami, 1 de julho de 1945) é uma cantora e compositora de punk rock e new wave dos Estados Unidos que obteve fama por ser a vocalista e líder da banda de new wave Blondie. Após o seu sucesso musical inicial, Deborah desenvolveu uma carreira a solo como cantora, gravando cinco álbuns e também como atriz, atuando em mais de 30 filmes.