sábado, abril 11, 2015

O Homem que criou o primeiro estado ateu morreu há 30 anos

Enver Halil Hoxha (Gjirokastër, 16 de outubro de 1908  - Tirana, 11 de abril de 1985) foi o ditador da Albânia do fim da Segunda Guerra Mundial até à sua morte em 1985, na função de primeiro secretário do Partido do Trabalho da Albânia - PPSH (Partido Comunista). Ele também atuou como primeiro-ministro da Albânia de 1944 a 1954, ministro da Defesa de 1944 a 1953, ministro das Relações Exteriores de 1946 a 1953, líder da Frente Democrática de 1945 até à sua morte e comandante-em-chefe das Forças Armadas albanesas de 1944 até à sua morte.
A liderança de Hoxha foi caracterizada pelo isolacionismo e a sua adesão firme e manifesta ao Marxismo-Leninismo antirrevisionista da metade da década de 70 em diante. Após a sua ruptura com o maoísmo no fim da década de 70 e início da década de 80, inúmeros partidos maoistas declararam-se hoxhaístas. A Conferência Internacional dos Partidos e Organizações Marxistas-Leninistas (Unidade e Luta) é a mais conhecida coligação de tais partidos hoje em dia.

Sem comentários: