domingo, Fevereiro 24, 2013

Sombra - Amália canta David Mourão-Ferreira


Sombra - Amália Rodrigues
Letra de David Mourão-Ferreira e música de Alain Oulman


Bebi por tuas mãos esta loucura

De não poder viver longe de ti

És a noite, que à noite me procura

És a sombra da casa onde nasci



Deixa ficar comigo a madrugada

Para que a luz do Sol me não constranja

Numa taça de sombra estilhaçada

Deita sumo de Lua e de laranja



Só os frutos do céu que não existe

Só os frutos da terra que me deste

Hão fazer-te ausência menos triste

Tornar-me a solidão menos agreste



Vou recolher à casa onde nasci

Por teus dedos de sombra edificada

Nunca mais, nunca mais longe de ti

Se comigo ficar a madrugada

Sem comentários: